quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Remix OS 2.0

http://zdnet3.cbsistatic.com/hub/i/r/2015/06/21/032f5cd3-3186-4a0b-bd16-2c8070f76746/resize/1170x878/13a4147f8aaeb9c14bc4a3d32fa4b491/14-jide-remix-tablet-home-screen.jpg 

A startup Jide compareceU na quarta-feira, 6, ao salão da CES 2016 - que é um dos maiores eventos de tecnologia do mundo, realizado  em Las Vegas. Neste ano, a empresa levou à feira seu Remix Mini, um dispositivo que roda o sistema Android em qualquer tela por meio de um cabo HDMI.


Diferentemente do Chrome OS desenvolvido pela Google , o Android usado pela Jide é uma customização com elementos semelhantes ao Windows. Chamado Remix OS, o sistema impressionou quem passava pela CES.O melhor de tudo é  o acesso à Google Play, significando isto que pode baixar aproximadamente 2 milhões de apps disponíveis para seu computador ou notebook .


Mais que entretenimento, o Remix OS 2.0 promete ser um sistema operativo usado para a produtividade, ao contrário do que muitas vezes consegue (ou não) fazer com o Android. Por exemplo, ter duas janelas abertas, mover ficheiros de uma pasta para a outra ou usar o típico Ctrl+C Ctrl+V é algo possível com este software. O ambiente de trabalho, um pouco semelhante ao Windows, tem apenas um wallpaper com uma barra de tarefas, onde estão algumas aplicações para um acesso mais rápido.

A Jide promete que o Remix OS será disponibilizado gratuitamente para download em seu site. Segundo ela, será possível armezená-lo em um dispositivo de memória (como um pendrive de pelo menos 8GB ou um HD externo) com conexão USB 3.0 e ligá-lo ao PC. Sem custo algum - incluindo as atualizações.